NOTÍCIAS

Moto Club vence o Maranhão e amplia vantagem na final do turno do Estadual
14/03/2016

Rubro-negro conseguiu ser mais efetivo e venceu por 2 a 0. Agora, o MAC precisa vencer por mais de dois gols de diferença para ser campeão

Foto: Weliandrei Campelo/Moto Club

Um bom jogo decisivo deve ser assim: corrido, nervoso, cheio de alternativas, emocionante e, claro, com gols. O clássico entre Maranhão e Moto Club, neste domingo à tarde, no Castelão, pela primeira partida da final do primeiro turno do Campeonato Maranhense, teve tudo isso.

O MAC teve as melhores oportunidades, mas não foi o bastante para vencer a partida. O Moto soube ser mais efetivo na partida e por isso venceu por 2 a 0 com gols de Marcos Paulo e Felipe Dias.

Com este resultado, o rubro-negro será campeão do primeiro turno do Campeonato Maranhense até perdendo por dois gols de diferença na próxima quinta-feira, no Castelão. Ao Maranhão, cabe vencer por três ou mais gols de diferença. Quem levar o turno garante vaga na final do Estadual, assim como participação na Copa do Nordeste e na Copa do Brasil do próximo ano.

O jogo

O Maranhão tomou a iniciativa no começo da partida e, marcando muito bem no meio-campo, conseguiu brecar as investidas dos motenses, que erravam muitos passes. O objetivo do MAC era ficar com a bola, para não dar chance ao melhor ataque do campeonato. O time de Meinha comandava as ações.

Jogando pelos lados do campo, cada investida do MAC abria a defesa motense. Mas foi o Moto Club que abriu o placar aos 22 minutos. Tety tabelou com Curuca e foi derrubado na área. Marcos Paulo foi para a cobrança e abriu o placar para o time rubro-negro.

No segundo tempo, o clube atleticano voltou com a mesma postura ofensiva. Aos 5 minutos da etapa final, em jogada de velocidade, Romulo Ferreira tocou para Helton que invadiu a área. Portela não conseguiu alcançar o atacante e o derrubou. Pênalti para o MAC.

Na cobrança, Rodrigo Ramos pulo para o lado direito, mas conseguiu esticar a perna e defender cobrança de Helton. Aos 10 minutos, veio o castigo. Curuca foi derrubado no lado direito do campo. Marcos Paulo colocou bola dentro da área para Felipe Dias subir mais que todo mundo e ampliar o placar para o Moto Club. Após marcar, o Papão se tranquilizou e passou a comandar as ações até o apito final.

Fonte: GloboEsporte.com




OUTRAS NOTÍCIAS