NOTÍCIAS

America fecha Copa Rio com vitória de virada no clássico bisavô
06/10/2016

Com dois gols de Dieguinho, Mecão bateu o Bangu por 2 a 1 no Giulite Coutinho

Foto: João Carlos Gomes/Bangu

Se despedindo da temporada de 2016, o America encarou o Bangu nesta quarta-feira, dia 5. O clássico bisavô de número 281, válido pela oitava rodada a Copa Rio, terminou com a vitória americana por 2 a 1. Dieguinho marcou duas vezes para o America, enquanto Castro fez para o do Bangu. O embate foi disputado em Mesquita, no Estádio Giulite Coutinho.

O jogo

O início de jogo foi de muito estudo de ambos os times. Com mais posse de bola nos primeiros 20 minutos, o America quase abriu o placar aos 13. Nivaldo cobrou falta frontal em cima da barreira, a bola sobrou para Adam, que chutou em tirando tinta do travessão. Pouco depois, aos 19, Marcos Felipe tabelou com Wagner Diniz pela direita, invadiu a área e chutou cruzado. Bruno Miranda defendeu e, no rebote, Daniel rematou na direção do gol. O placar só não foi inaugurado porque a defesa banguense salvou em cima da linha. 

Passada a parada técnica o Bangu equilibrou as ações e, em seu primeiro ataque mais eficiente, marcou o gol, com Castro. O America respondeu rapidamente e logo empatou. Lançado por Marcos Felipe no lado direito da área, Daniel foi empurrado por Renan Rocha: pênalti. Dieguinho cobrou rasteiro, no canto esquerdo do goleiro, empatando o jogo no Giulite Coutinho aos 33. Depois deste gol, o duelo seguiu morno e o placar se manteve igual até o intervalo.

No segundo tempo as duas equipes voltaram com muita vontade de vencer e o Bangu quase voltou à dianteira do marcador aos 18 minutos. Na ocasião, Jefferson Pedra chutou forte, cruzado, do lado esquerdo da grande área, e fez Felipe se esticar para efetuar uma boa defesa. Depois deste lance os rubros cresceram no jogo, tiveram mais posse de bola e quase viraram aos 32. Nivaldo deixou Darlan cara a cara com o goleiro e o meia, que entrou na segunda etapa, viu seu remate ser abafado pelo arqueiro.

Sete minutos depois, Dieguinho cobrou falta frontal com veneno, e quase acertou o ângulo superior esquerdo de Bruno Miranda. Para azar do lateral, o goleiro do Bangu salvou milagrosamente o gol. No ataque seguinte, foi a vez dos banguenses quase marcarem. Em um rápido contra-ataque, Carlinhos chutou da direita da grande área e fez Felipe realizar uma boa defesa, colocando para fora a bola. 

O jogo não parava e o America obteve êxito no último ataque da partida. Aos 41, Darlan puxou contra-ataque em velocidade e deixou Daniel cara a cara com o goleiro, que o derrubou na área: pênalti. Dieguinho cobrou igualzinho ao que fez no primeiro tempo e decretou a virada.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa | America




OUTRAS NOTÍCIAS