NOTÍCIAS

America vence a primeira fora de casa e se aproxima da segunda fase do Estadual
29/02/2016

Muniz garantiu a vitória do America por 1 a 0 diante da Portuguesa neste domingo

Foto: Raffa Tamburini/America

Reeditando a final da Série B do ano passado, America e Portuguesa se enfrentaram neste domingo, dia 28, no Luso Brasileiro. Com clima de decisão, já que as duas equipes buscam a classificação para a segunda fase do Campeonato Carioca, o confronto teve o mesmo destino da final de 2015, sendo favorável ao Mecão. O gol solitário de Muniz fez o America vencer a primeira fora do Giulite Coutinho, e deixou o time americano dependendo apenas de si para avançar para a fase final do Estadual.

O triunfo deixou o America na terceira colocação do Grupo B, com 11 pontos, sendo três de vantagem sobre o Friburguense, primeira equipe fora da zona de classificação. Tendo apenas mais um compromisso na primeira fase do Carioca, o America vai enfrentar o Fluminense no domingo, dia 6, às 17h, sem local definido.

O jogo

Apesar de uma maior posse de bola da Portuguesa na primeira etapa, que criou a primeira chance do duelo em um cabeceio de Pessanha, aos 4 minutos, o America foi o time que mais se aproximou de abrir o placar. Com cinco chutes na direção do gol, o Mecão deixava claro seu interesse pelo resultado. Leandro Aguiar, aos 8, fez boa jogada individual, passou por dois marcadores e chutou forte, da entrada da área, para boa defesa de Márcio.

Já aos 15, Muniz aproveitou o chute cruzado de Darlan e, no lado esquerdo da grande área, carimbou a trave direita do arqueiro. Onze minutos depois, Matías Sosa chutou cruzado de canhota, da entrada da área, e viu Márcio espalmar para sua esquerda, evitando o gol. As duas outras chances do Mecão na etapa aconteceram aos 36 e aos 37 minutos, em remates de fora da área de PH e Darlan, encaixados pelo arqueiro da Lusa.

Se tentou cinco vezes no primeiro tempo e não marcou, o Rubro precisou apenas de uma finalização para abrir o placar no período final. Em um rápido contra-ataque, Sosa foi lançado por PH na intermediária esquerda, conduziu até a linha de fundo e, inteligentemente, achou Muniz na direita da grande área. O volante, que entrou por trás da defesa da Lusa com muito oportunismo, só completou para as redes: America 1 a 0, aos 11 minutos.

Naquele momento com o resultado favorável ao Rubro, a Portuguesa não viu outra alternativa a não ser se lançar ao ataque. Esbarrando numa defesa americana sólida, os donos da casa tentavam alçar bolas na área para surpreender o America, mas foi o Rubro que quase marcou com Sosa. O argentino cobrou falta frontal com capricho, aos 25 minutos, mas Márcio conseguiu espalmar por cima do gol.

Também em uma cobrança de falta, aos 33, os donos da casa responderam. Eberson, em uma falta frontal, exigiu que o arqueiro rubro fizesse uma linda defesa, colocando a bola para fora, mas foi só. Atuando com sabedoria e calma, o America tentou matar o jogo no contra-ataque e em jogadas de bola parada. Na oportunidade mais perigosa, aos 34, Leandro Aguiar cobrou escanteio - da esquerda - na cabeça de Sosa, que testou a bola para uma defesa arrojada de Márcio. Depois deste lance o jogo seguiu morno e o placar se confirmou.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa | America




OUTRAS NOTÍCIAS